Combate à solidão na terceira idade

solidão na terceira idade
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

O Exercício Físico online no combate à solidão na terceira idade em tempos de COVID -19

O exercício físico pode ser uma das principais “armas” para combater um dos grandes flagelos com que os nossos seniores se debatem diariamente. Mais do que problemas de saúde, existe algo que é tremendamente assustador, face ao atual contexto de pandemia que atravessamos, a SOLIDÂO.

Devido a uma pandemia inesperada, toda a população foi obrigada a um confinamento total durante aproximadamente dois meses. As famílias estiveram unidas nesta batalha, a telescola, o teletrabalho foram temas que ninguém esperaria mencionar no ano de 2020, mas foram eles que permitiram, a uma grande parte da população, continuar nas suas práticas profissionais e familiares.

Estamos certos de que muitos foram os momentos de desgaste e de esgotamento, para aqueles que pensavam que o teletrabalho era algo que seria mais simples e menos trabalhoso, o engano foi enorme, pois o local de trabalho já não ficava a alguns quilómetros de distância, ficava na sala e estava lá de dia e de noite.

O desconfinamento começou a trazer um pouco da nossa normalidade de volta, que alivio sentimos! Mas terá sido para todos?

Se juntarmos a este facto, o acompanhamento das aulas das nossas crianças, o desgaste foi imenso e intenso. Contudo, o desconfinamento começou a trazer um pouco da nossa normalidade de volta, que alivio sentimos! Mas terá sido para todos? Não, pois existe uma franja muito grande da nossa população que continua e continuará como sendo o principal grupo de risco, e como tal, para os idosos, o receio está sempre presente, facto que os coloca de uma forma muito mais intensa num estado de confinamento permanente.

A ida às compras, a ida ao cabeleireiro, ao ginásio ou a qualquer outro tipo de atividade, passou a ser um risco de contágio de uma doença que se esconde atrás de cada cara conhecida, o perigo pode vir da vizinha, do senhor do café, da sobrinha, do professor de ginástica, de qualquer pessoa, em qualquer situação.

Este facto leva a que grande parte dos nossos idosos se sintam numa situação de constante fragilidade e para tal ajam de uma forma preventiva, ficando mais tempo em casa, mais tempo isolados. Este facto, pode ser muito positivo no que diz respeito ao combate da transmissão do Corona Vírus, mas faz aumentar um mal cada vez mais presente em grande parte da população idosa, a Solidão.

Um estudo realizado pela CINTESIS – Centro de Investigação em Tecnologias e Serviços de Saúde em parceria com a Administração Regional de Saúde (ARS) do Norte (em 2019), refere que 91% dos idosos seguidos nos cuidados de saúde revelam sentir algum grau de solidão, sendo que um terço reporta mesmo níveis graves de solidão.

“Paulo Santos, investigador do CINTESIS, e Catarina Rocha-Vieira, da ARS Norte, defendem que «é importante que se perceba que a solidão nos idosos leva a maior somatização do seu sofrimento e aumenta o risco de serem sobre medicados».

Por isso, apelam para que se definam «estratégias para reduzir a solidão entre os idosos, como forma de melhorar os indicadores individuais de saúde e diminuir o risco de sobre diagnóstico e de polimedicação».

Atos simples como procurar companhia, participar na vida familiar e manter rotinas diárias ativas, que assegurem o contacto com outras pessoas, são exemplos de estratégias que podem reduzir a solidão e melhorar a saúde da população mais idosa, exemplificam os autores.”

 

O grande problema é que este estudo foi realizado em 2019, antes da pandemia de COVID-19, antes de termos sido colocados numa posição de isolamento social, pelo que será fácil concluir que o ano 2020 veio exponenciar o problema da solidão junto de grande parte da população, em especial junto dos idosos.

A APDF criou um programa que visa combater este mal, bem como ajudar a melhorar o estado da saúde dos nossos idosos, e tudo passa através de um programa de exercício físico intitulado “Eu Consigo”, que através de aulas online procura incentivar os mais velhos a uma prática regular de exercício físico e adequado às suas características.

Programa Eu Consigo, no Combate à solidão

Este facto, por si só, não consegue ajudar a combater a solidão, mas uma das grandes estratégias que a ADPF utiliza neste projeto, passa pela criação de turmas online, fomentando à interação de todos os que as constituem, fazendo com que o sentimento de pertença exista em todos os alunos que formam cada uma das nossas turmas.

É fantástico quando nos deparamos com situações de pessoas que distam entre si centenas de quilómetros de distância, mas que se acompanham inicialmente na prática de exercício físico e posteriormente em muitos aspetos da vida cotidiana, fazendo com que ninguém se sinta sozinho. É comum verificar que os alunos partilham experiências entre si, fotos, receitas e todo um conjunto de dados e factos pessoais que aumentam o sentido de pertença a um grupo, que nós ajudamos a cuidar, mas que também cuida de nós, e esse facto é fundamental para que a solidão seja combatida.

programa eu consigo

As aulas são transmitidas em direto num grupo fechado, cada turma tem o seu grupo específico, e todas as dinâmicas passam-se nesse grupo. Existem desafios propostos pelos professores para que as ligações se tornem cada vez mais coesas, efetivas e duradouras.

Todos nós nos lembramos dos grupos a que pertencemos, da escola, do ginásio, da costura, do teatro e tantos outros, e todos nós sentimos a importância de fazermos parte de um todo, esta é a forma da APDF – Associação Portuguesa de Desporto em Família combater a solidão junto dos nossos seniores, que com esta pandemia ainda se viram mais afetados por um problema já existente e que continua a crescer diariamente.

Para nós, APDF – Associação Portuguesa de Desporto em Família, a família é o nosso pilar, e esse facto está presente em todos os nossos projetos. Por esse motivo, queremos estar ao lado da classe sénior, juntos aos avós deste país, para invertermos os números da solidão nesta faixa etária! O Exercício físico aproxima e melhora o estado de saúde dos participantes, vamos criar uma enorme família contra a solidão dos mais velhos! Projeto Eu Consigo!

Conteúdos Artigo

Aulas de yoga e pilates

Aulas de Yoga online

As aulas de Yoga online ganharam bastantes adeptos desde o início da pandemia. Nunca pensámos que seriam tantos os adeptos desta prática com vontade de

Ler Mais »

Parcerias

Precisa de Ajuda?