Alimentação saudável

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email

Por hoje ser o Dia Mundial da Alimentação, decidimos falar um pouco sobre cuidados alimentares com as crianças. A alimentação é um dos pilares de maior importância na nossa saúde e, nos primeiros anos de vida, tem uma relevância ainda maior. A alimentação na infância tem um papel determinante no crescimento e desenvolvimento das nossas crianças e é neste período que se moldam os nossos gostos e preferências alimentares. Durante este período da vida, os pais são os modelos que as crianças tendem a imitar em tudo, e a alimentação não é exclusão. De um modo geral, quando os pais têm hábitos alimentares saudáveis, os filhos também os têm. O exemplo tem de vir de nós próprios, os pais!

Vamos lutar por uma alimentação saudável e educar os mais novos neste sentido.

Deixamos um resumo de cinco regras para uma alimentação saudável nas crianças.

Estimular o consumo de água

Estimular o consumo de água e reduzir ao máximo as bebidas açucaradas

As bebidas açucaradas (bebidas refrigerantes, néctares e sumos de fruta) são um dos produtos alimentares que mais contribuem para a ingestão de açúcar nas crianças e adolescentes. Reduzir o seu consumo e promover em alternativa o consumo de água nas crianças é fundamental para uma alimentação saudável.

Na nossa casa os sumos, néctares e refrigerantes raramente entram em nossa casa. Para nós, esta é a forma mais simples e eficaz de reduzir o consumo. Não havendo embalagens em casa, evitam-se birras e conflitos e o consumo é inexistente. Quando fazemos refeições fora de casa com as crianças, por norma eles acabam por pedir água (força do hábito), mas se nesses dias houver um pedido de bebidas açucaradas, não há problema. Aceitamo-lo sem dramas!

Água aromtizada com fruta pode ser uma boa opção para ir variando a bebida à refeição.

Mais frutas e hortícolas

Educar as crianças para comerem mais frutas e hortícolas

Comer fruta e hortícolas nas quantidades necessárias é a regra de ouro da alimentação saudável das nossas crianças. Garantir o consumo de sopa nas refeições principais e 2 a 3 peças de fruta por dia, pode ser o suficiente para atingir a quantidade recomendada por dia para estes alimentos.

Para além da sopa, a presença de hortícolas no prato é importante, mas por vezes estes alimentos são rejeitados pelas nossas crianças e por isso devemos ser criativos na forma como os apresentamos no prato. Lá em casa fazemos um puré de batata, onde juntamos couve-flor e cenoura. É adorado por todos.

“Lixo alimentar”

Evitar o “lixo alimentar”, em particular os snacks hipercalóricos, ricos em sal, açúcar e gordura. 

Neste caso, a estratégia mais eficaz é semelhante à das bebidas açucaradas. Para evitar o consumo destes produtos alimentares, a decisão deve passar por não comprar e substituir estes alimentos por outros mais saudáveis, mas saborosos na mesma. Esta pode ser uma recomendação particularmente relevante para quem tem adolescentes em casa. Mais vale não os ter em casa do que instituir regras difíceis de cumprir.

Leite e derivados na dose certa

O leite e derivados (iogurte e queijo) são alimentos importantes para o crescimento e desenvolvimento das crianças. São fonte de nutrientes essenciais como o cálcio e outros minerais e vitaminas. Contudo, o seu consumo não deve ser exagerado. É muito importante ler os rótulos e comparar e escolher lácteos com menos açúcar, preferindo iogurte sem aromas ou sem pedaços de fruta. A fruta pode e deve ser adicionada em casa.

Roda dos alimentos

Fazer uma alimentação completa, variada e equilibrada, seguindo os princípios da Roda dos Alimentos

Devemos incentivar as crianças a comer alimentos de cada grupo da Roda dos Alimentos e beber água diariamente. Comer em maior quantidade alimentos dos grupos com maior dimensão e em menor quantidade alimentos dos grupos mais pequenos.

Sabemos que não é tão simples quanto este texto o faz parecer, mas não é impossível.

Com a quantidade de anúncios e de produtos de baixa qualidade presentes nas superfícies comerciais, o desafio é grande. Mas deixamos aqui umas dicas para os pais:

– Nunca vá às compras com fome;

– Faça uma lista com o objetivo claro de trazer alimentos para seguir uma alimentação saudável e compre apenas o que está na lista.

Feliz Dia Mundial da Alimentação.

Conteúdos Artigo

Dia Mundial da 3ª Idade

Vamos comemorar o dia mundial da 3ª idade através da realização de aulas online de exercício físico, e outras atividades

Ler Mais »

Alimentação saudável

Alimentação saudável na infância tem um papel determinante no crescimento e desenvolvimento das nossas crianças e é neste período que se moldam os nossos gostos e preferências alimentares.

Ler Mais »

Quinta Pedagógica dos Olivais

A Quinta Pedagógica dos Olivais, faz um convite para que os mais novos conheçam de perto como funciona o mundo rural. A entrada na Quinta Pedagógica dos Olivais é gratuita!

Ler Mais »
Aulas de yoga e pilates

Aulas de Yoga online

As aulas de Yoga online ganharam bastantes adeptos desde o início da pandemia. Nunca pensámos que seriam tantos os adeptos desta prática com vontade de

Ler Mais »

Parcerias

Precisa de Ajuda?